RDCongo: Portugal continua pouco favorável a envio de missão militar da UE…

Bruxelas, 08 Dez (Lusa) – O Governo português continua pouco favorável ao envio de uma missão militar da União Europeia para a República Democrática do Congo, apesar do apelo da ONU nesse sentido, disse hoje em Bruxelas o ministro dos Negócios Estrangeiros.

Luís Amado, que falava à entrada para uma reunião dos chefes de diplomacia dos 27, afirmou que a posição de Portugal “é a mesma do último Conselho, em que o assunto foi discutido, apesar de haver um dado novo, que é uma carta do secretário-geral das Nações Unidas (Ban-Ki moon), pedindo expressamente o apoio de uma missão da UE”.

No anterior conselho, celebrado há um mês em Bruxelas, Amado defendeu que “não faz sentido” a UE ponderar sequer o envio de forças, pois tal “seria complicar ainda mais um teatro já de si tão complexo como aquele que existe”.

Hoje, o ministro admitiu que o “dado novo, que é o pedido” de Ban-Ki moon, terá de que ser discutido, mas afirmou que, do ponto de vista do governo português, “não chega” para decidir o envio de uma força da UE, que a seu ver só fará sentido “se tiver uma forte articulação com a região”.

“A presença de uma missão num teatro tão complexo tem uma dinâmica geo-política muito própria. Tem que ser acompanhada justamente pelo que é hoje o trabalho da missão regional que está em curso e que pretende um acordo político. Sem um acordo não haverá condições para uma operação militar, do meu ponto de vista”, afirmou.

ACC/FPB.

 

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: